Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2011

Neurocientista diz ter encontrado um caminho para a cura em laboratório de 90% dos tipos de autismo

Imagem
Apesar de ser "uma luz no fim do microscópio", como afirmou o neurocientista, a possibilidade de encontrar um medicamento que possa curar a maioria dos casos de autismo é uma descoberta merecedora de um Nobel!(Seria o primeiro para um brasileiro - o neurocientista Alysson Muotri). Este transtorno invasivo do desenvolvimento infantil sempre esteve envolvido numa aura de mistério e, como tudo o que nos é desconhecido, imensamente temido. Desde que os pais percebem que há algo de errado com o desenvolvimento de seu filho até que possam obter o famigerado diagnóstico, geralmente é uma via-crucis. Como é um transtorno que possui um "espectro", ou seja, há diferentes graus de comprometimento, o diagnóstico muitas vezes jamais chega a ser feito. Há estudos que mostram uma incidência próxima de 1% para transtornos do espectro autista, o que definitivamente não é pouco. Por isso a importância da descoberta: abre-se um novo caminho nessa luta, talvez menos árduo. E aí ve…